Kleber Rosa (PSOL) recebe a Carta-compromisso Por Uma Transição Modal e Energética na Bahia

Na conversa, foi destacada a importância de discutir o tema da mobilidade urbana também pela ótica das questões raciais e de gênero, e o candidato mostrou preocupação com os altos índices de imobilidade urbana em Salvador e com a desativação do Trem do Subúrbio.



Hoje, no Dia Mundial Sem Carros (22/09), a coordenação estadual da Campanha Mobilidade Sustentável foi recebida pelo candidato a governador Kleber Rosa, do PSOL, e por sua equipe de apoio formada exclusivamente por mulheres, no comitê localizado no Rio Vermelho.


Contando com a cobertura da imprensa, a Carta-compromisso Por Uma Transição Modal e Energética na Bahia foi entregue nas mãos do candidato e de sua equipe, que aproveitaram o momento para conversar sobre mobilidade urbana e transição modal e energética.


Na conversa, foi destacada a importância de discutir o tema da mobilidade urbana também pela ótica das questões raciais e de gênero, e o candidato mostrou preocupação com os altos índices de imobilidade urbana em Salvador e com a desativação do Trem do Subúrbio, ainda em 2021, deixando parte significativa da população soteropolitana sem alternativa acessível para seus deslocamentos cotidianos, agravando a exclusão dessas pessoas.


Foi abordada também a situação dos entregadores por aplicativos e a necessidade de diminuir a dependência dos carros particulares. Por fim, tratou-se do preconceito sofrido por negros e negras e do assédio sofrido por mulheres nos transportes públicos, o que acaba por afastar ainda mais esses usuários e usuárias da utilização do transporte coletivo.


O candidato e a sua equipe ficaram de dar uma resposta sobre a confirmação da assinatura da Carta-compromisso, ainda antes do pleito, e garantiu que algumas das questões ali colocadas serão levantadas nos debates eleitorais e na revisão do programa de governo do partido.