top of page

Prefeitura vai promover requalificação da Avenida Contorno com criação de ciclovia e alargamento do passeio

Por Redação

Foto: Divulgação PMS

Publicado no Bahia Notícias


Quem passa pela Avenida Lafayete Coutinho, conhecida popularmente como Avenida Contorno, tem uma das visões mais belas da cidade. A avenida liga as regiões do Vale do Canela, Campo Grande e Bairro 02 de Julho ao Comércio, parte mais baixa da cidade. A Fundação Mário Leal Ferreira (FMLF) desenvolveu um projeto com objetivo de dinamizar a região e melhorar ainda mais a vista para o mar da Baía de Todos-os-Santos.


A intervenção prevê, entre outras ações, a retirada da mureta que fica entre o passeio e a via, o alargamento e elevação do passeio para que fique no mesmo nível da pista e para que as pessoas possam caminhar de maneira mais segura; a construção de uma ciclovia com a mesma extensão da avenida e implantação de alguns bancos ao longo do passeio onde as pessoas poderão parar para contemplar o mar e o conjunto arquitetônico do Solar do Unhão onde hoje está situado o Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM).



Foto: Divulgação Fundação Mário Leal Ferreira / Prefeitura de Salvador


O triângulo situado no acesso à Ladeira do Gabriel e ao Largo dos Aflitos será revitalizado, ganhando o formato de uma pequena praça. Nas proximidades, será criado um ponto de ônibus, facilitando o acesso ao MAM. O projeto propõe ainda a remoção dos postes e transformadores da região e a realocação da rede para uma subestação abaixo do mirador.


Na área próxima ao Bahia Marina, serão implantados dois decks de madeira suspensos sobre a área verde, que receberão um tratamento paisagístico. Também será ordenada uma área de estacionamento debaixo do viaduto, entre o trecho de acesso da Bahia Marina e a Praia da Preguiça. Além disso, os acessos à área de praia serão totalmente revitalizados com a construção de rampas, corrimãos e escadarias. Ao lado do Restaurante Amado, por exemplo, uma ampla escadaria será construída com paisagismo, arquibancada e rampa, permitindo também o acesso de Pessoas com Deficiência ou com mobilidade reduzida.

 

“É um projeto extremamente bonito. Tivemos a preocupação, inclusive, com algumas áreas para estacionamento, com a valorização de algumas praias, como a Praia da Preguiça. As áreas da região serão valorizadas e tivemos a preocupação de tornar a contorno uma das áreas mais bonitas para se passar em Salvador, seja de carro, a pé ou de bicicleta”, conta a presidente da FMLF, Tânia Scofield.


O projeto executivo já foi encaminhado para a Superintendência de Conservação e Obras Públicas do Salvador (Sucop) para início do processo licitatório. “O projeto proporcionará duas grandes mudanças: a abertura da Contorno para o mar da Baía de Todos-os-Santos, uma das áreas mais bonitas da cidade e a dinamização dessa avenida. Ou seja, com o alargamento dos passeios, com ciclovia e com os bancos, as pessoas vão passar a caminhar, a parar para poder contemplar o pôr do sol. Ou seja, daremos outra dinâmica, outra vida, porque hoje ela é uma via unicamente de tráfego de veículos”, afirma Tânia.

 

Construída com preceitos de modernismo na década de 60, a partir de um projeto do arquiteto Diógenes Rebouças, a Avenida Lafayete Coutinho vai se adaptar às três necessidades do urbanismo contemporâneo: o lugar do pedestre, a relação com o entorno e o fomento ao modal cicloviário. 

 

“Queremos trazer exatamente o pedestre para poder usar também essa margem da Baía de Todos-os-Santos com mais propriedade, seja no caminhar, na parada para contemplar o pôr do sol ou no ciclismo para o lazer ou para se deslocar para o trabalho, evidentemente com segurança. Além disso, o local ficará mais bem iluminado. A Contorno é o grande acesso ao Comércio e aos bairros da Península, ainda que tenhamos outros”, acrescenta. 



Comentarios


bottom of page