Salvador vai substituir trem de subúrbio por VLT

Serão ao todo 18,5 quilômetros de extensão e 21 estações, divido em duas fases. Por Renato Lobo


Publicado no Via TroleBus

A cidade de Salvador deve substituir o atual trem do subúrbio por uma linha de VLT (Veículo Leve Sobre Trilhos), que deve ligar o subúrbio ferroviário de Salvador ao bairro do Comércio. O edital de licitação deverá ser lançado neste mês, segundo o secretário da Casa Civil, Bruno Dauster, que anunciou a concorrência durante reunião para esclarecimentos de dúvidas referente ao projeto.

Serão ao todo 18,5 quilômetros de extensão e 21 estações, divido em duas fases: a primeira, entre o Comércio e Plataforma, com 9,4 quilômetros, e a segunda, entre Plataforma e São Luiz, com nove quilômetros. O investimento está orçado em R$ 1,1 bilhão.

O trem do Subúrbio é administrado pela empresa estatal Companhia de Transportes do Estado da Bahia (CTB), com uma linha que liga a Cidade Baixa ao Subúrbio Ferroviário da cidade. O trajeto atualmente possuí 13,5 quilômetros, entre os terminais na Calçada e em Paripe, com dez estações. Atende a uma média de quase 20 mil passageiros por dia.