Salvador é destaque em publicação internacional sobre trânsito

A cidade de Salvador foi citada em uma matéria publicada no site da organização não governamental Global Designing Cities Initiative. O texto ressalta as mudanças promovidas no trânsito da cidade neste ano. Pela Redação

Publicado no A Tarde

Foto: Divulgação


A cidade de Salvador foi citada em uma matéria publicada no site da organização não governamental Global Designing Cities Initiative. O texto ressalta as mudanças promovidas no trânsito da cidade neste ano.


O bairro e a Igreja do Bonfim são o cenário da publicação internacional. O texto fala da implantação da Zona 30 na localidade, que recebeu um aumento no espaço destinado aos pedestres e redução na velocidade da via para 30km/h. A intervenção foi inaugurada em maio deste ano durante a campanha do Maio Amarelo.


Segundo pesquisa citada na matéria, feita pela Iniciativa Bloomberg para Segurança Viária, 86% dos entrevistados concordaram que o desenho do tráfego no bairro deveria priorizar os pedestres, já que apenas 41% consideravam as condições de travessia seguras. A pesquisa ainda mostrou que as mudanças no Bonfim – que teve também novas sinalizações verticais e horizontais implantadas – ocasionaram uma redução de 77% no excesso de velocidade dos veículos que trafegam por ali.


Segundo a Transalvador, a Zona 30 é um conceito internacional de engenharia de tráfego, que visa reduzir o número de acidentes e mortes no trânsito. Até o fim de 2021, a Prefeitura de Salvador deverá implementar novas áreas de Zona 30.


Em maio deste ano, a capital já havia se destacado como uma das cidades do mundo que superaram a meta da Organização das Nações Unidades (ONU), para redução de 50% de mortes no trânsito, na década 2011/2020. Salvador também se tornou a primeira cidade do Brasil a assinar uma carta de compromisso com a ONU, com o objetivo de reduzir em 50% o número de mortes no trânsito, até 2030.


Clique aqui e confira a publicação.