[Artigo] Exclusão social relacionada aos transportes

Atualizado: 11 de Dez de 2021

LIMA, Gregório C. Luz de Souza; BARBOZA, Matheus Henrique Cunha; PORTUGAL, Licinio da Silva; GIANNOTTI, Mariana. Exclusão social relacionada aos transportes: A acessibilidade é um fator relevante para a inclusão social? 34º Congresso de Pesquisa e Ensino em Transporte da ANPET, 2020.

RESUMO:


Grande parte dos estudos sobre exclusão social relacionada aos transportes (ESRT) partem do princípio de que maiores níveis de acessibilidade estão relacionados com maior participação em atividades e, portanto, maior inclusão social. No entanto, as evidências desta relação ainda são escassas e inconclusivas em especial em países em desenvolvimento, levantando dúvidas se a avaliação de políticas em termos de acessibilidade pode estar superestimando os possíveis impactos na inclusão social. Neste sentido, este artigo busca fornecer uma evidência empírica da relação entre os níveis de acessibilidade e de participação em atividades para o caso da cidade de São Paulo. Os resultados mostram a correlação altamente significativa entre acessibilidade e quantidade de viagens realizadas, reforçando a indicação da métrica de oportunidades acumuladas como instrumento passível de ser aplicado em políticas de transporte que visam aumentar a inclusão social. Foram verificados outros fatores relevantes para identificar a ESRT como gênero, renda e idade.


Leia mais: Exclusão social relacionada aos transportes: A acessibilidade é um fator relevante para a inclusão social?