Elevado que liga Itaigara ao Shopping da Bahia é inaugurado em Salvador

Atualizado: 29 de Nov de 2021

Estrutura é a sexta desse tipo entregue pelo município e custou R$ 16,2 milhões. Por Gil Santos.


Postado no Correio*

Foto: Gil Santos/CORREIO

Mais um elevado da Avenida ACM foi entregue em Salvador. A construção faz parte das obras da primeira etapa do BRT, fica na região da Cidadela e foi inaugurada na manhã desta quinta-feira (3). Esse é a sexta estrutura desse tipo entregue pela prefeitura desde o início das obras, e vai receber o fluxo de motoristas que passam pelo Parque da Cidade em direção ao Shopping da Bahia.


Tanto carros como os ônibus do BRT vão usar o novo elevado. O que mudou é que, antes, os motoristas precisavam usar as vias marginais da Faculdade Universo e Lar Shopping para chegar a região do Shopping da Bahia. Agora, eles vão passar por cima da nova estrutura. Ela é mais larga, tem 480 metros de comprimento, duas faixas em asfalto e uma em concreto. O investimento foi de R$ 16,2 milhões.


O prefeito ACM Neto fez a inauguração oficial e disse que estava feliz porque vai deixar toda parte estrutural e viária, a base do BRT, concluída em sua gestão. "Ainda no primeiro semestre do próximo ano essa obra estará pronta", afirmou. "Esse projeto tem um olhar voltado para resolver o problema do transporte público, mas também o problema do trânsito. É um projeto de mobilidade amplo (...) Com essa obra vamos ter uma via expressa que a pessoa vai poder sair da Garibaldi até a Paralela sem passar por um semáforo, sem tem que se deparar com qualquer retorno. É um corredor expresso, linear, dotado de ponta a ponta de ciclovia", explicou.


Um terceiro objetivo do projeto, disse Neto, é melhorar a infraestrutura. "Nós todos sabemos qual é a fotografia aqui dessa região nos dias de chuva intensa na cidade. Imediatamente o canal sobe a água e acontecem alagamentos", disse o prefeito. "Isso vai estar resolvido quando o projeto do BRT estiver concluído, porque nos preocupamos com toda a solução de drenagem".


A estrutura é sustentada por 72 vigas pré-moldadas, tem 2.080 m³ de concreto e 250 toneladas de aço. De acordo com o consórcio responsável pelas obras, este é o sexto de sete elevados concluídos na primeira etapa do BRT. Segundo a prefeitura, o objetivo dessas construções é dar maior fluidez no trânsito nessa região que é uma das mais movimentadas da cidade.


O sétimo e último elevado da primeira etapa do BRT está em construção. O equipamento terá mão dupla e será específico para a circulação dos ônibus articulados do BRT, tendo extensão da Praça Newton Rique até as proximidades da estação do metrô da rodoviária. O secretário municipal de Mobilidade (Semob), Fábio Mota, responsável pela coordenação da obra disse que ela acabou com os alagamentos frequentes da região.


"Essa é uma obra importantíssima que qualifica o sistema de transporte público e nós vamos ter aqui um BRT ágil, rápido e confortável para as pessoas. É uma obra que vai resolver os problemas de alagamento. Por aqui passam cerca de 70% dos carros da cidade e 80% das viagens de ônibus de Salvador", afirmou.


Elevados Na região da Cidadela já existe outro elevado que foi entregue em março deste ano. Ele recebe o fluxo oposto, ou seja, do Shopping da Bahia para o Itaigara. Além disso, mais quatro estruturas do tipo já foram implantadas na Avenida ACM.


Os dois primeiros foram entregues em dezembro de 2019, nas imediações do Parque da Cidade, e atende aos motoristas que trafegavam na direção do Itaigara à Lucaia e vice-versa. Em abril, foi a vez do elevado entre a Baviera e o Sam’s Club, com 560 metros de comprimento no sentido Parque da Cidade.


A última estrutura entregue foi inaugurada em agosto deste ano e recebe o tráfego no sentido Avenida Tancredo Neves, entre o Sam’s Club e a Praça Newton Rique. O secretário municipal de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), Luciano Sandes, responsável pela execução das obras contou que a obra vai melhorar a mobilidade na região.


"Esse é o sexto elevado que estamos entregando. É uma obra que perfaz R$ 16 milhões, e é importante porque vai ligar todo o fluxo que vem da região do Parque da Cidade até a região do Iguatemi sem precisar passar pela via marginal. Isso melhora a fluidez do trânsito, e chegamos a praticamente 80% de todo o complexo viário previsto na obra", disse.


Características O trecho um do BRT tem 2,9 km de extensão e faz a ligação entre o Loteamento Cidade Jardim (Parque da Cidade) à região do Shopping da Bahia (Estação de Integração BRT/Metrô). O investimento é de R$ 213 milhões, com recursos de financiamento junto à Caixa Econômica Federal. Os outros dois trechos já estão com obras em andamento. Um deles vai ligar a Estação da Lapa à região do Parque da Cidade, e o outro vai seguir até a Pituba.


A prefeitura informou que a implantação do novo modal vai possibilitar a criação de linhas exclusivas para o transporte público, automóveis e bicicletas em corredores de tráfego próprios e segregados que vão reduzir o tempo do soteropolitano no trânsito e melhorar a mobilidade em regiões críticas.