Compra de créditos para o cartão do metrô de Salvador por meios digitais cresce 95%

Publicado no Correio* (15/07/2021)

Foto: Divulgação/CCR Metro Bahia

De acordo com a CCR Metrô Bahia, entre julho de 2020 e julho de 2021, houve um crescimento de 95% da inserção de créditos nos cartões de acesso ao metrô por meios digitais, como máquinas de autoatendimento, aplicativos e os mais de 2 mil pontos da Rede Credenciada espalhados pela Região Metropolitana de Salvador.


Atualmente as vendas por esses canais já representam 75% do volume de recargas, com crescimentos contínuos a cada mês. Os créditos podem ser adquiridos nas 71 máquinas de autoatendimento espalhadas em todas as Estações do Metrô, além da compra por meio de aplicativos – Quicko APP e RecargaPay - e nos pontos de vendas da Rede Credenciada, que estão disponíveis em farmácias, restaurantes e outros estabelecimentos comerciais da Região Metropolitana de Salvador.


A CCR Metrô Bahia disponibiliza ainda agentes de atendimento. “Essa é uma tendência que visa facilitar a experiência do nosso cliente e tornar mais prática a utilização do Metrô, trazendo inovação e tecnologia para mobilidade urbana, dando mais segurança e conforto, principalmente em tempos de pandemia”, analisa Frederico Pimentel, coordenador de arrecadação da CCR Metrô Bahia.


Nas máquinas de autoatendimento os pagamentos podem ser feitos em dinheiro ou cartão, nas funções débito ou crédito. Já nos aplicativos e pontos de venda, os pagamentos estão disponíveis de acordo com a política de cada plataforma. A compra do crédito pelos aplicativos Quicko APP e RecargaPay podem gerar ainda diversos benefícios como promoções ou cashbacks. A carga adquirida por esses meios precisa ser ativada antes da utilização, no validador de consulta e carga presente em todas as estações, antes de se dirigir às catracas de acesso.


Além disso, a partir deste mês, os passageiros do sistema contam com mais uma opção de compra digital. Através de uma parceria entre a CCR Metrô Bahia e o Banco do Brasil, será possível inserir créditos pelo aplicativo do banco.


“Nossas pesquisas apontaram que o Banco do Brasil tem muitos correntistas entre as pessoas que andam de metrô, e por isso buscamos mais essa facilidade, a ideia é tornar a compra dos créditos ainda mais fácil, rápida e segura”, explica Frederico.